Dia 1 – Minas Trend 22 ed.

Chegou o tão esperado dia. A 22ª edição do Minas Trend Preview teve início na tarde ontem e a nossa equipe esteve lá para conferir de perto tudo o que aconteceu no primeiro dia de desfiles. O tema dessa edição é “Nosso Lugar Somos Nós”. As riquezas históricas, culturais e geográficas de Minas Gerais servem de referência para sua concepção criativa. Para nós é uma honra participar mais um ano desse grande evento que movimenta o mercado da moda e abre tantas oportunidades para novas marcas. 

F á t i m a . S c o f i e l d ……………………………………………………..

A marca que já atua no mercado há mais de 30 anos fez a sua estreia nas passarelas em casa. Fátima e seu diretor criativo ,Daniel Corrêa, optaram por uma proposta completamente contrária do que ela vinha fazendo durante todos esses anos. Ao invés de peças “rígidas”, a passarela foi tomada por peças esvoaçantes em cores vibrantes como amarelo, laranja e turquesa e estampas que transmitiam uma pitada de romance, e boa parte da coleção comercial segue essa mesma linha. Foi um tiro certo para o verão!

S i n d i j o i a s ………………………………………………………………….

O segundo desfile do dia ficou por conta do etivo de associados do Sindjoias-MG e apresentou acessórios e fashion jewelry desenvolvidas pelas grifes e designers: Caleidoscópio, Camila Klein, Carlos Penna, Andy Mesquita, Hector Albertazzi, Lázara e SD por Sheila Morais. Maxi peças repletas de voltas, volumes e desenhos geométricos. Entre as principais matérias-primas metais como: cobre e grafite, resinas, pedras naturais, cristais e outros. Foi incrível!

N a t á l i a . P e s s o a ……………………………………………………….

Esse ano Natália trouxe para peças que valorizam e realçam a forma do corpo. Muito movimento, estampas em mas geometricamente arquitetadas. A coleção enche os olhos com uma cartela de cores com bastantes tons terrosos, vermelho, lilás e verde. Natália oposta também em um verão leve e repleto de movimento.

P l u r a l ……………………………………………………………………………

Foi uma das coleções mais lindas que eu vi na tarde de ontem. A Plural manteve a sua proposta sendo leve, despretenciosa e atemporal o seu próximo ciclo. Estampas com linhas, cores, quadrados, formas geométricas com cores fortes azul, amarelo, MUITO AMARELO, vermelho, trabalhando também tons terrosos e o branco. O verão Plural é confortável, chic e acima de tudo leve.

L u c a s . M a g a l h ã e s ………………………………………………….

O nosso queridinho iniciou o último bloco com uma coleção de tirar o fôlego. A cada modelo que entrava, algumas peças em cores vibrantes, outras em tons pasteis criaram um contraste na passarela. Com peças muito bem estruturadas em alta costura , Lucas contrasta com peças básicas como malha que remetem ao colegial e, devo ressaltar, as peças com aplicações de franja.

M a n z a n …………………………………………………………………………

No desfile da última temporada eu fiquei me perguntando qual seria o próximo passo da Letícia e como ela iria superar uma coleção magnifica como foi a Boudoir e ela destruiu a passarela ao encerrar o primeiro dia de desfile o conceito que passa lifestyle esportivo dos anos 80, brilho, plumas e transparência e muita, muita cor!

O primeiro dia se resumiu em movimento e cor. O verão realmente é pra ser divertido e colorido. Hoje ainda teremos muito mais!

Agradecimentos:

Raul Nunnes veste: Marcus Phili

p.h: André Solano

 

Deixe uma resposta