CACETE.co – UMA MARCA DE ESPÍRITO LIVRE E JOVEM

[CACETE] Bom, com certeza alguma vez na vida você ja ouviu essa expressão, assim como já deve ter ouvido falar dessa marca mineira chamada Cacete.Company < que vem conquistando uma legião de fãs através de suas roupas irreverentes e de uma identidade ímpar.

Há dois anos entrava no mercado a Cacete.Company, criada pelos sócios Tiago e Raphael. Ambos tinham como objetivo explorar o mercado de underwear, mas com o passar do tempo a marca foi ganhando visibilidade e com muito trabalho e dedicação eles fora conquistando seu espaço no cenário da moda nacional. Com uma produção 100% brasileira, eles hoje comercializam produtos que vão de acessórios a blusas de seda de excelente qualidade, a firma tem trabalhado a todo vapor nos últimos anos e hoje quando pensamos em streetwear é impossível não lembrar da Cacete, uma marca de espírito livre e jovem que surpreende a cada coleção lançada!

Na última temporada do SPFW a marca foi um dos maiores destaques do projeto estufa com a coleção Arquivo 4, logo em seguida eles vestiram a maravilhosa Pabllo Vittar para o seu novo clipe K.O. e a marca também já vestiu outros famosos como: Ludmilla, Hugo Gloss, Caio Braz e Linn da Quebrada, que são fãs assumidos da marca. Para saber um pouco mais sobre a Cacete eu bati um papo com o Tiago, confere aí:

1 . Quem está realmente por trás da Cacete.Co.?

”Temos muito orgulho de onde viemos e fazemos questão de fazer tudo por aqui mesmo. Estar perto de quem produz pra gente é muito importante! Somos uma empresa de dois sócios que fazem tudo, a gente é empreendedor, mídias sociais, assessor de imprensa, office-boy, SAC, etc.”

2. Como e quando surgiu a ideia de criar a marca Cacete? Como surgiu a parceria/sociedade com o Rapha?

“O processo de pensar na firma começou em meados de 2013. No início, não tínhamos um conceito determinado, porém, queríamos explorar o universo do street. No começo de 2014 escolhemos o nome da marca e em abril de 2015, finalmente, a lançamos. A vontade de atender o público masculino sempre existiu, mas foi durante este processo que definimos focar nas cuecas, por acreditarmos que fosse um setor pouco explorado.”

3. Sobre a coleção Arquivo 04 qual a inspiração e como surgiu a parceria com o Warley Desali o Desalixo?

“Amamos ser locais! Nossas referências vem de artistas de rua de BH como #DESALIXO, um amigo que teve uma participação no Arquivo #02. Também exploramos os movimentos sociais, como por exemplo: Lá da Favelinha e Duelo de MC’s. Músicos mineiros que a gente também admira são: Djonga e Cadu dos Anjos.”

4. Como foi a experiência de participar do projeto estufa no inicio dessa temporada no SPFW?

“O Projeto Estufa do SPFW foi uma surpresa pra nós. Recebemos o convite para participar mais ou menos um mês antes do evento, então foi uma correria que só.”

5. Após essa experiência no SPFW, vocês se tornaram a marca queridinha de alguns famosos como Caio Braz, Linn da Quebrada e a destruídora Pabllo Vittar. Como é pra vocês estar no cenário nacional da moda através de nomes de peso da atualidade?

“Tudo aconteceu naturalmente, alguns produtores entraram em contato após o desfile. Não podemos negar que o retorno do desfile foi maravilhoso para a firma, mas nada mudou além de publicidade. Nosso processo de criação/produção continua o mesmo, sempre focado para o site.”

6. Como foi a experiência, de vestir a Pabllo para o seu novo clipe K.O. como surgiu essa parceria?

“O contato do produtor foi através do instagram da Cacete Company. Enviamos algumas peças e foi uma surpresa ver todo aquele material sendo usado.”

7. Com todo esse reconhecimento a pressão para os projetos futuros aumenta? Como vocês lidam com isso?

“Na verdade não aumenta, até porque nossa ideologia é fazer peças quase exclusivas, únicas e lotes pequenos. Acreditamos que o momento é esse, não podemos, por agora, ir além disso.”

8 . Como vocês descrevem a evolução da marca desde o primeiro arquivo lançado?

“Como toda firma, procuramos sempre fazer uma coleção superando a outra. Hoje a marca está muito mais visível. Tudo que criamos leva uma base conceitual forte por trás. Existe um trabalho minuciosamente planejado para que possamos expandir, e assim, entender mais nossos consumidores.”

9. Ainda ouviremos/veremos muito sobre a Cacete nesse ano de 2017? Teremos novidades na próxima temporada?

“Já estamos no processo criativo da próxima coleção. Não podemos dar muitos detalhes agora, mas fiquem ligados em nossas redes sociais que estamos preparando algo especial.”

10. Vocês batalharam muito e ainda batalham pelo crescimento da marca, qual a mensagem deixariam pra quem está começando agora?

“É complicado passar uma mensagem porque cada um tem seu planejamento e sonhos. Toda firma passa por momentos difíceis, mas não podemos deixar essas crises abalar a estrutura da marca. No caso, não podemos desistir tão fácil e manter o foco sempre.”

                                                           SAIBA MAIS SOBRE A MARCA                                                                

Imagens:

Agência Fotosite

Cacete.co on facebook

 

Raul Nunes

Apaixonado por fotografia e cultura - irmão mais novo da Kim Kardashian - leonino, curioso, louco por moda e apaixonado por café, amante da boa culinária e da música.

Deixe uma resposta